top of page
  • Autor convidado

4 ferramentas para te ajudar com a Indústria 4.0 e a quarta onda do varejo

Atualizado: 30 de mar. de 2023



A indústria e a atividade industrial estão continuamente evoluindo.


Contudo, é possível apontar alguns momentos específicos que redefiniram conceitos e processos de produção.


Esses momentos aconteceram ao menos 4 vezes durante a história da indústria e sempre estiveram relacionados ao desenvolvimento de novas tecnologias.


Dê uma olhada nas quatro fases dessas revoluções industriais:

  • Indústria 1.0: máquinas a vapor (séc. XVIII até séc. XX).

  • Indústria 2.0: máquinas elétricas (início do séc. XX).

  • Indústria 3.0: eletrônica/CLP (ganhou força nos anos 70).

  • Indústria 4.0: sistema ciberfísico (iniciado na Alemanha em 2011, vai até hoje).

Nesta atual Indústria 4.0, os principais avanços tecnológicos dizem respeito aos sistemas ciberfísicos (sistemas computacionais e colaborativos) com a integração entre equipamentos (interoperabilidade), sistema em nuvem e o polêmico big data.


As definições da Indústria 4.0


A indústria 4.0 é sobretudo baseada na virtualização de ambientes, na integração de sites e no acompanhamento de dados em tempo real. Ou seja, é uma era de mais facilidade na comunicação, no controle, na organização e no planejamento.


Os equipamentos, aplicativos e ferramentas utilizados também estão mais inteligentes, capazes de enviar e receber informações em tempo real. Você consegue acompanhar processos e gerenciar setores quando, como e onde quiser.


A internet, os sistemas de nuvem, os aplicativos virtuais e a inteligência artificial com certeza são alguns dos maiores atributos da Indústria 4.0 e eles estão facilmente disponíveis para ajudar no sucesso do seu negócio e no processo de evolução e uso da Computação Cognitiva, da Inteligência Artificial e da Automação.


Conheça agora 4 ferramentas para ajudar a sua empresa ingressar nesta era da Indústria 4.0:


1 – Sistema CRM


O CRM (ou software de gestão de relacionamentos) é um sistema que permite que a empresa tenha um excelente e profundo acompanhamento de todos os contatos e interações realizados com os clientes.


Ou seja, é possível registrar toda a comunicação, armazenar e gerenciar e-mails, telefones, nomes, entre outros dados. Isso tudo de forma bem prática e integrada. O controle e a gestão de clientes ganham mais combustível, o que melhora o planejamento e a tomada de decisões.


É um aplicativo ideal para os setores de Marketing e Vendas, pois auxilia na organização e na criação de estratégias para fechar vendas, além de poupar tempo da equipe.


2 – Neosensor


O Neosensor é uma ferramenta que processa sensores de sistemas de supervisão. Isso quer dizer que ele coleta dados, realiza seu processamento em tempo real e depois age na produção com a integração de pessoal e dos equipamentos.


Com o Neosensor, é possível observar falhas nos processos e sistemas, assim como visualizar padrões e monitorar a produção. Dessa forma, o gestor é capaz de rapidamente pensar em soluções antes de acontecer, assim como reagir mais efetivamente aos problemas.


A visualização ocorre a partir de um dashboard que mantém todas as informações em apenas um lugar, para que tanto gestores quanto as equipes de funcionários consigam ter um acesso mais prático e não-burocrático.


3 – Software ERP


O sistema ERP online é um sistema de gerenciamento cujo objetivo é agregar todas as informações e dados relevantes da companhia para ajudar no controle, planejamento e organização da mesma.


O ERP evita a utilização de mais de um software para gerenciar cada parte dos processos. Ele possui um ambiente único que simplifica demais a comunicação e a integração entre departamentos, gestores e funcionários. Como por exemplo o fluxo de caixa, controle de estoque, vendas, emissão de notas fiscais e boletos, dentre outros.


Os mais indicados dentre os softwares de gestão empresarial, são os que possuem todo o processo online. Essa opção é bem funcional, por estar presente na nuvem, pode ser acessado de qualquer dispositivo com internet e de onde você quiser, além de reduzir custos.


4 – Sistema RFID


O RFID (Identificação por Rádio Frequência) é uma tecnologia que pode não ser conhecida pela maioria das pessoas, mas que é importante e faz toda a diferença em segmentos específicos do mercado.


Sabe quando você compra algo e tem que passar o código de barras uma a um em um leitor ótico para identificar o produto e o preço? Isso pode custar muito tempo se a demanda é alta. O sistema RFID existe para mudar isso.


Ele utiliza a frequência de rádio para capturar dados e assim conseguir identificar objetos utilizando dispositivos eletrônicos, chamados de etiquetas eletrônicas, tags, transponders, etc.


Eles emitem esses sinais de radiofrequência para os leitores interrogadores captarem essas informações. É uma inovadora complementação à tecnologia dos códigos de barras, que sua indústria não pode ficar sem.


Gostou do nosso post? Quer saber mais sobre indústria 4.0? baixe nosso e-book gratuitamente!


119 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


  • Whatsapp
bottom of page